Google+ Badge

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Julgamento do golpe se aproxima e Moro foca no PT para ajudar o Temer do Cunha e do Moraes

Por Davis Sena Filho -- Palavra Livre

Alexandre de Moraes: Esta é a cara e a alma do governo usurpador e de direita de temer — repressão aos trabalhadores para garantir os interesses da casa grande.
É mais ou menos assim que essa gente da Vara do Moro golpista, partidária e seletiva pensa: "Tá, a gente deu um jeito de esculhambar o PMDB, o temer e mostrar quem manda. Agora persigamos novamente o PT, pois investigar e punir o PSDB nem pensar, jamais, para que possamos sacramentar o golpe de estado (bananeiro e violento), que tem a cara e focinho do PIG".

Quero deixar claro e ressaltar mais uma vez que eu não sou idiota e nunca permiti que me tratassem como tal. Também quero asseverar que milhões de brasileiros como eu estão a observar atentamente as ações partidárias, ideológicas e seletivas do sistema Judiciário (STF, PGR e PF), que não se importa em ser republicano, quando deveria ser sua obrigação, a fim de proteger e defender os interesses da Nação.

A verdade é que uma grande parcela da população brasileira ainda não entendeu que os golpistas criminosos não lutam apenas em um front. De forma alguma. Existe o front político-partidário, de controle da base do Congresso cuja finalidade é permitir a aprovação das propostas desse governo espúrio e ilegítimo. Porém, a grande ansiedade e pavor dessa gente se resume às questões econômicas. Este é o grande medo desses covardes apátridas e dignos de irem para cadeia por serem autores de um golpe contra o povo, o Brasil, a democracia e o Estado de Direito.

Trata-se de um governo de direita totalmente dedicado e devotado ao mercado e capaz de fazer qualquer coisa para desmontar tudo o que foi feito nos últimos 13 anos em prol da reconstrução estrutural do Brasil e da inserção do povo brasileiro na economia, na educação e no emprego, a ser incluído no Orçamento da União pela primeira vez na História, além de ter acesso ao mercado de consumo, abrir conta em banco e experimentar a sensação do que é cidadania, ser cidadão, realidades que seriam impossíveis e irrealizáveis com os governos de direita no poder, como se verifica ao analisarmos o passado.

michel temer (o nome dessa peçonha é sempre escrito em minúsculo por se tratar de um vulgar e ordinário traidor, além de um pigmeu moral, político e citadino) está entre a cruz e a espada. Todo mundo sabe que ele está envolvido em vários esquemas de financiamento eleitoral, afinal tal golpista e traidor da Nação há 30 anos ou mais pertence à cúpula do PMDB.

Só o que faltava agora os sistemas midiático dos magnatas bilionários e do Judiciário dos juízes, procuradores e delegados seletivos e partidarizados de direita dissimular, escamotear e manipular as realidades, sendo que estas são tão reais que chegam a esbofetear a cara da sociedade brasileira, por ser tão claro e transparente que o STF, a PF, o MPF e a Vara do Moro são, juntamente com a imprensa de mercado e sonegadora de impostos, os alicerces do golpe violento e bananeiro.

A visita do ministro golpista e interino da Justiça de temer, Alexandre de Moraes, que vem a ser um tucano extremado de direita e defensor dos interesses da burguesia paulista, que no Governo Alckmin tratou os movimentos e as reivindicações sociais como caso de polícia e, com efeito, meteu a porrada em quem ousasse a "cometer desobediência civil", como ele afirmou várias vezes, deixa os segmentos da sociedade organizada e democrática muito preocupados e temerosos que se acontecer a deposição definitiva de Dilma Rousseff, a guinada à direita desse governo demolidor do patrimônio público e das garantias constitucionais e dos direitos civis e trabalhistas da população estarão realmente em perigo.

O governo temer, ressalto, é golpista e recorrente, em pouco tempo no poder, em reprimir e oprimir os movimentos sociais, o PT, as pessoas próximas de Lula e Dilma e já está a chegar com suas mãos fascistas na blogosfera progressista, a atender os interesses das oligarquias midiáticas, que foram duramente combatidas por blogs e sites de esquerda. Pela primeira vez na história os jornalões burgueses não falaram sozinhos, a impor suas versões e manipular a opinião pública, a fim de manter intactos seus benefícios e privilégios.

Com temer definitivamente no poder ocorrerá, sem dúvida, perseguição dura à esquerda e a ambição e o desejo em desmantelar o Estado Nacional para que ele nunca mais atenda os mais pobres pelas mãos de mandatários trabalhistas que conquistaram o poder central. Será o fim da luta para que o Brasil tenha um estado de bem-estar social para se transformar em um Estado mínimo, com trogloditas de direita a mandar a polícia dar porrada em trabalhador e calar a imprensa progressista na internet, a usar juízes e promotores contra aqueles que levantarem suas vozes contra a repressão e a opressão.

Alexandre de Moraes é um político de essência fascista e sua visita ao Paraná da Vara do Moro teve por finalidade recrudescer as ações contra Dilma Rousseff e Lula, pois agosto se aproxima e a direita sabe que se perder no Senado ela não voltará tão cedo ao poder central, bem como reeditar o governo de coalizão com o PMDB será impossível, porque, certamente, o PT não procurará restabelecer suas bases políticas com gorilas golpistas, que procedem como trogloditas selvagens, pois verdadeiros bárbaros que tomaram de assalto a Presidência da República de forma brutal e destrutiva contra o Estado brasileiro e as conquistas que permitiram a inclusão social por parte do povo brasileiro.

Esperem por esperar... a repressão já começou e o sistema judiciário transformou o Estado de Direito em letras mortas enterradas nas páginas da Constituição. Esse pessoal persegue e prende seus adversários, mas quem vai, um dia, prender esses canalhas que cometeram um monte de ilegalidades constitucionais e institucionais, além de terem servido governos extremamente corruptos do PMDB, do DEM e do PSDB.

A verdade é que se percebe com maior transparência que, apesar das quedas de ministros desse governo pária e bastardo, pois ilegítimo e golpista, nenhum está preso, tampouco o Cunha e sua família, mas, sim, o ministro do Governo Lula, Paulo Bernardo, sendo que sua mulher, a combativa senadora Gleisi Hoffmann do PT, que combate o tucano truculento Beto Richa, governador do Paraná, aliado do juiz Sérgio Moro, também foi alvo da PF que realiza ações para garantir o pão de cada dia da imprensa golpista em seus jornais que mais se parecem com shows circenses. Moro é aquele juiz que quando é questionado sobre a roubalheira e as prisões de gente do PSDB sempre responde com sua já célebre frase: "Não vem ao caso". É porque esse pessoal é tão arrogante e prepotente que considera todo mundo idiota. Só que não é bem assim. Nem todos são idiotas.

Tucanos são inimputáveis no Brasil, e, pelo que vejo, o pessoal brucutu de direita do PMDB também. O fato é o seguinte: Depois da ida de Alexandre de Moraes -- o Careca Integralista -- a Curitiba, foi desencadeada operação da Polícia Federal e da Força Nacional contra o PT, o MST, o MTST, a imprensa de esquerda da internet e contra políticos e aliados do Partido dos Trabalhadores. Estes, sim, são presos ou levados coercitivamente para depor. Agora, demotucanos ladrões nem pensar. Realmente é um País surreal, onde golpistas escancaram seus crimes e não sai publicada uma nota sequer na imprensa de negócios privados mais golpista e corrupta do planeta Terra.  

Depois das conversas que o ministro Careca Integralista da Justiça e pertencente aos quadros da burguesia provinciana paulista com o juiz de primeira instância, Sérgio Moro, e seus procuradores obsessivos pelo PT, mas jamais pelo PSDB, a Polícia Federal, com seus homens vestidos com fardas camufladas (a vaidade é tão desmesurada, que acho que eles pensaram que estivessem na Amazônia), cercaram a sede nacional do PT, não porque há naquele espaço provas para incriminar as pessoa, mas, sobretudo, porque atrai uma grande publicidade midiática negativa e de caráter injurioso, calunioso e difamatório contra o PT e seus membros.

Lembre-se: quanto mais enlamear o PT, mais fácil será derrubar com um golpe terceiro-mundista a presidente eleita com 54,5 milhões de votos concedidos pelo povo brasileiro. A mandatária que nunca roubou e está a ser julgado por uma camarilha de bandidos golpistas, razão pela qual o governo do usurpador e traidor michel temer é tratado como pária dentro do País e no exterior, inclusive pelos grandes jornais tradicionais dos países desenvolvidos. Ninguém é bobo. Idiota é quem pensa que todo mundo é bobo. Todo mundo vê e percebe que o Brasil e seu povo foram mais uma vez vítimas de um golpe de direita, que tem por finalidade entregar o País aos estrangeiros e demolir o que resta do Estado nacional.

temer (o nome sempre em minúsculo) é um covarde truculento e sua equipe também. O escarcéu cínico e hipócrita da imprensa golpista contra o PMDB serve apenas para se chegar ao Lula. A operação Lava Jato não foi criada para o Lula, mas com o tempo a Casa Grande e seus órgãos de hegemonia e opressão, a exemplo da imprensa empresarial e do sistema judiciário, perceberam que tal processo comandado pela Vara do Moro, pela PGR do procurador-geral-contra a República, Rodrigo Não Devo Nada a Ninguém Janot, e pela PF dos delegados aecistas seria uma grande plataforma eleitoral e de mobilização de massas.

Principalmente no que é relativo à massa amarelada com cheiro de coxinha de classe média rancoroso e inconformado com a ascensão dos pobres, que dividiram os shoppings, as universidades e os aeroportos com eles e seus filhos, no decorrer dos governos trabalhistas do PT -- o partido mais democrático que já vi e que no poder implementou no Brasil o período mais democrático de sua história. Democracia de verdade, porque real.

Quem viver no futuro e viveu a plena democracia em tempo recente nos governos Lula e Dilma vai compará-los com outros governos e perceber que nunca viu e sentiu nada igual. Somente os autoritários e recalcitrantes não se importam com o espírito de liberdade, que é tão importante como comer e beber para os verdadeiros democratas. São espíritos menores e sem luz ou pouco iluminados. A verdade é que a vida não vale a pena se a alma é pequena, como já asseverava o poeta.

Em Curitiba, o ministro arrivista e golpista da (in)Justiça disse: "Não há nenhuma relação da minha visita institucional, de apoio à Lava Jato. Provavelmente seja isso que tenha deixado desconfortável essas pessoas. É que o governo anterior jamais apoiou institucionalmente a Lava Jato, porque o governo anterior jamais apoiou o combate à corrupção". Chega a ser hilário o comentário de tal figura sombria. Pertence a um governo ilegítimo cujos ministros caem de podre por causa de corrupção. O despropósito é tanto que parece que esse indivíduo acabou de chegar à Terra vindo do espaço exterior. Cinismo é pouco...

Dá para levar a sério um homem como este, a não ser desconfiar de suas atitudes tão tucanas quanto às privatarias de FHC, ou seja, de boas intenções o inferno está cheio. Então quer dizer que o governo anterior não apoiou a Lava Jato? Então quer dizer que o governo anterior não deixou os procuradores e os juízes escolherem os colegas que assumiriam em listas tríplices a PGR, o STF e o STJ? Então quer dizer que os procuradores dos governos petistas não tiveram liberdade de investigar e denunciar? Foi o PT que extinguiu a Controladoria Geral da União (CGU) ou foi o temer? Quem teve, então, liberdade para investigar e denunciar? O procurador-geral do FHC que tinha o apelido de engavetador-geral da República? O que esse ministro golpista da Justiça diz não se escreve.

Não foi o PT que criou o Portal da Transparência de onde a imprensa corrupta e golpista retira suas informações para atacar os governos do PT com a maior cara de pau digna de bandido? Ah, então, tá. O governo anterior não se preocupou em combater à corrupção. Para o Careca Integralista e provinciano de São Paulo talvez ele pense que quem combateu a corrupção foi o Governo entreguista e apátrida de FHC e os governos de José Serra e de Geraldo Alckmin. Só não elenco os incontáveis escândalos de corrupção dos governos federal e estaduais do PSDB jamais investigados para valer, porque o Alexandre de Moraes sabe disso tudo. É que ele banca o leso e pensa que todo mundo é leseira como ele, que na verdade está a dissimular e a atacar aqueles que ele odeia visceralmente: o PT e suas lideranças. Uma coisa bem tucana e truculenta -- apaulistada, sabe?

A verdade é a seguinte: o ministro golpista da Justiça do ilegítimo e desleal michel Amigo da Onça temer foi advogado do deputado Eduardo Cunha, bem como esteve à frente de processos da mais poderosa organização criminosa de São Paulo para depois renunciá-los. Contudo, o que marcou o Alexandre de Moraes foi sua atuação truculenta como secretário tucano de Justiça. Moraes foi denunciado por ativistas e militantes de causas populares por causa da violência de sua polícia, bem como a imprensa alienígena, que se recusa a compreender que o Governo FHC que a privilegiou acabou, como também se recusa a sair desse tempo, quando o Brasil era bem menor em todos os sentidos, divulgou as arbitrariedades e autoritarismos de Moraes, que mandou sentar o sarrafo nos trabalhadores. É para isto que ele serve e é isto que ele faz. O temer sabe disso. Ponto.

Lula não roubou. Lula não consta em listas de desvios de dinheiro por meio da corrupção. Há três anos os procuradores e os delegados procuram, diuturnamente, por provas. O tempo passa e a direita golpista (direita golpista é redundância) e bananeira de índole escravocrata está desesperada. Dilma tem de ser definitivamente deposta e Lula tem de ser impedido, custe o que custar, de conquistar pela terceira vez a Presidência da República. O julgamento do golpe no Senado se aproxima e Moro foca no PT para ajudar o temer do Cunha e do Moraes. É isso aí.





Nenhum comentário: