Google+ Badge

terça-feira, 9 de abril de 2013

A direita e a discórdia

Blog Palavra Livre

ELA APOIOU ATÉ O APARTHEID NA ÁFRICA DO SUL



O POVO DOS BAIRROS POPULARES DE LONDRES COMEMORARAM SUA MORTE
E A IMPRENSA NÃO MOSTRA

2 comentários:

Voz do Povo disse...

Bom dia, Davis, apoio tanta coisa sinistra, a imprensa só mostra coisas boas, parabéns pelo blog.

Cunha disse...

Quando mencionei que o inferno havia ficado pior, pois estava para ter mais um a tentar implantar o neo-liberalismo por lá, falaram que eu deveria respeitá-la. Claro, gente encubada nos corredores da Rede Goebbels... Evidente. Ela menosprezava sua origem. Se não me engano, o pai era dono de um comércio simples na Inglaterra e discordava da maneira que as mulheres eram tratadas. Reagiu a tal conduta da sociedade machista de maneira tão agressiva, que foi agressiva em excesso. Tudo que representava o mais fraco era abominado, dando no que deu: um neo-liberal.