Google+ Badge

segunda-feira, 10 de março de 2014

NETO



ESPAÇO BICO DE PENA  BLOG PALAVRA LIVRE


 O amor é vinculado à moral.
Ele é sexo!
Deus de Jesus Cristo.
Imoral é o amor desprovido de amizade.
O amor é fatal, como as pedras
De um labirinto.
Porque o que é imortal é sempre
O que eu não acredito.
Sonho com o tal do amor,
Meu fracasso em forma de destino.
A crueldade da vida toda.
A espera do amor esquecido.
Morte e desventura...
O sentimento em concreto,
Como se fosse o cimento
Do conserto que me deixou.
Longo é o verão, que detesto,
Pois a culpa de meu amor
É o Universo!
Os olhos do teu verbo:

O oxigênio do nosso amor.

Davis Sena Filho, em 10/3/2014
Ao meu Neto Gabriel

2 comentários:

Henrique R disse...

Uma pequenissima homenagem a uma das inúmeras partes belissimas que compõe a vida de uma criança. Foi um poema lido no ônibus, também:

"A mãe falou: Meu filho você vai ser poeta!
Você vai carregar água na peneira a vida toda.
Você vai encher os vazios
com as suas peraltagens,
e algumas pessoas vão te amar por seus
despropósitos!" (Manoel de Barros)
....
Parabéns Gabriel.

Davis disse...

Muito bom, caro Henrique.